Tantra – 01/07/2006 (do meu computador…)

Tantra, que bom que achei a yoga para me ajudar a tomar decisoes importantes sem me arrepender !!!

Na minha busca por ideias que pudessem orientar minha vida, de maneira a vive-la como gosto, intensamente, mas de uma maneira que pudesse orgulhar-me dela e fazer com que eu vivesse em uma “familia de almas” que pudesse fazer feliz, deparei-me com a Yoga.

Meu objetivo claro e absoluto na vida e ser feliz e fazer as pessoas em volta de mim felizes.

A busca conjunta por essa felicidade, minha e das pessoas com quem convivi, convivo ou convivirei, e o que fazem minha felicidade, nao somente o encontro dela, mas  entender q ja na busca pela felicidade, esta a felicidade.

Muitas pessoas esperam por uma coisa ou outra para serem felizes e esquecem-se de aproveitar a busca, e quando conseguem tornam-se infelizes, por que ou querem mais, ou querem buscar novamente outra felicidade para poderem aproveitar a busca…

Tudo muito complicado, a felicidade, que a yoga catalisou na minha vida foi o momento, foi a decisao de ser feliz por pequenas coisas.

Como no Hinduismo, Budismo e parte de algumas religioes, o apreciar dos momentos pequenos e divinos do nosso dia a dia fazendo com que no final dele, reconhecemos uma felicidade maior, imensa, formada de montes de pequenos momentos, e isso esta totalmente sob nosso controle!

A yoga me mostrou a calma, paz e tranquilidade de sabermos ficarmos sos com nos mesmos e estarmos em paz. A meditacao q outrora parecia impossivel, parece agora fazer parte da rotina. E nao e necessario sentar em lotus, ter um ambiente preparado para isso, ja me peguei meditando esperando uma reuniao importante, for a da sala do ministerio da saude na Hungria, simplesmente por saber que teria que esperar mais de 45 mins, e nao tinha tido tempo para meditar nos ultimos dias, entao ao inves de irritar-me por ter que esperar, agradeci a oportunidade de poder ter aqueles minutos, no meio do dia para dedicar a mim mesma !

Comecei a ler um pouquinho sobre yoga, ensinado por Patanjali, que foi a yoga que comecei dos 8 “ limbos”  (nao sei como se chama em portuges) que e o ashtanga, Patanjali era definitavemente dualista, e acreditava que o divino, espiritual esta separado do nosso mundano dia a dia. Atraves da yoga, voce busca o divino, atraves do encontro da tua paz interior e da tua tranquilidade, controle de pensamento e respiracao, controle de si mesmo…

Meu interesse pelo Tantra veio da definicao baseada no nao dualismo, nao existencia do certo e errado, nao existencia do bem e do mal, nao existencia do divino e material.

O Tantra, nao e uma filosofia tao pouco como muita filosofia de yoga que acredita que para atingir o maximo e necessario abdicar coisas mundanas, como dinheiro, prazeres, posses, emprego, familia. Ao contrario, o Tantra incentiva a experimentacao pessoal, e a experiencia como uma maneira de ir adiante no cominho da realizacao pessoal.

Outro pensamento interessante do Tantra, e que acreditando no sistema nao dualista, nao ha separacao da realidade material e espiritual, entao atingir um nivel espiritual elevado, nao e um desafio, mas um fato. Apesar de percebemos como humanos dualidades em volta de nos todo o tempo – bem e mal, masculino, feminino, quente e frio – tudo isso e ilusao criado por nosso ego quando, de fato, todos opostos estao contidos em um mesmo universo de consciencia. Para os Tantricos, isso quer dizer que tudo que fazemos ou tudo que sentimos, vindo da dor ou do prazer ou qualquer coisa no meio, e uma expressao do divino que somente vai trazer-nos mais perto da nossa propira divindade.

A vida diaria, sentimentos estranhos, tudo que sentimos e julgamos talvez errado, nao sao coisas que temos que fugir ou superar, mas mesmo o que parece o mais errado dos nossos atos, ou negativo, se feito com uma intencao positiva e contendo uma energia e sentimento puro, sao bonitos e devem ser valorizados.

Um professor de tradicao Tantrica de Sri Vidya, Rod Stryker, diz que muito mais do procurar por samadhi, ou seja, libertacao do mundo carnal, o Tantra ensina que a libertacao e possivel no nosso mundo, dentro de nos mesmos…

Uma das coisas que mais me atraiu no Tantra foi a crenca de que tudo e divino, Tantra acredita que nao ha, literalmente, nenhuma particula de realidade que nao e capaz de revelar extase e que tudo que existe e cheio de luz e reconhecimento….

Isso vem muito junto com a filosofia de vida que minha me ensina, que ela tenta fazer com que eu aprenda e baseie minha vida – a tentar enxergar em cada pequena coisa uma dinvidade, olhar um folha mais verde em uma arvore e admirar, ouvir e cheirar a chuva de verao e deixar que os olhos encham de lagrima por nada, so por estar apreciando quele momento, deixar que as emocoes de manisfestem da maneira como elas querem, sem medo de expor-se, mas com desejo forte de sentir a vida !!

O Tantra enxerga o corpo como uma manisfestacao do espirito. Tornando o corpo puro e forte  atraves dos asanas e e unificando o universo dos opostos, o corpo pode ser um veiculo para acabar com o sofrimento e atingir a libertacao interior. O nosso corpo e um templo, que tem o poder de fazer-nos atingir um estado de espirito maior, atingindo o equilibrio de todas celulas de nosso corpo, atravez da paz e tranquilidade, enxergando tnosso corpo como uma manisfestacao de uma parte do divino que ha dentro de nos, seremos capazes de ver a beleza divina que ha por dentro.

Em muitas partes do mundo, o Tantra ficou cohecido pela divlugacao de uma linha de ‘esquerda” que interpretou esse significado da manifestacao divina atraves do corpo, atraves da pratica do sexo e utilizou sua filosofia para melhorar e aperfeicoar a maneira de praticar o sexo.

Na verdade a atitude do Tantra  perante o sexo cai em linha com sua principal filosofia que todo aspecto de vida e um caminho para o universo e divino, se feito de uma maneira saudavel e com a intencao certa.

O ponto nao e comer, beber, fazer sexo, amar sem consequencias, MAS TER A RESPOSTA, REACAO PARA CADA MOMENTO DE NOSSAS VIDAS E VIVER DE ACORDO COM A NECESSIDADE DO MOMENTO, por que essa necessidade e a expressao do divino dentro de nos, e ninguem e nada, mais que nos mesmos para sabermos o que necessitamos para desenvolvermos nosso interior. Por isso comer chocolate, fazer sexo, beber ou cair de cabeca em qualquer amor so por fazer, nao estara ajudando a encontrar o nosso equilibrio, mas quando estiver com vontade de beber, comer algo, que vem de dentro, e se estivermos em equilibrio e conseguirmos nos conhecer o suficiente, essa experiencia do beber, comer naquele momento, vai ser uma manisfetacao de algo bonito, e vamos apreciar muito e isso ira nos engrandecer.

Da mesma maneira com o sexo e o amor, quando algo dentro de nos nos sinaliza para ir em frente, quando encontramos alguem que nos desperta algo muito forte, temos que viver isso, nosso espirito manisfestado pelo corpo e o melhor guia para nossas vidas.

E, principalmente, quando seguimos nosso coracao, e sentimos que ha algo mais forte e divino naquele que sentimos, e o fazemos com a intencao sincera e honesta, nao ha certo e errado, ha sim a decisao menos dolorida, a decisao em que voce se imagina daqui ha 5 anos na mesma situacao e pensa se sera feliz, se nao… para que continuar ?

Minha paz ficou transtornada por imaginar que exista no mundo um outro homem que sera o ideal para mim… Mas essa pessoa eu farei muito mais feliz, por que eu poderei ser eu mesma, completamente responsavel, que se tivermos filhos eu terei que abdicar de coisas que eu acredito que serao ate importantes para que meus flhos sejam como eu, por que me orgulho da pessoa que me tranformei, e quero que meus filhos sejam tao moleques e irresponsaveis na hora certa quanto eu sou…

Mas na realidade, na minha manifestacaco do meu divino, fazendo minha yoga e olhando para dentro de mim, nao e essa pessoa que me transformei hoje, que fara meu marido e meus filhos felizes. Se continuar nessa relacao e tiver filhos, um dia olharei para dentro novamente e irei buscar o que na realidade e o parceiro ideal.

Sei verdadeiramante que o parceiro ideal existe, o perfeito nao, mas o mais importante e que os dois como no Tantrismo busquem a juncao dos opostos, para transformar a relacao um um universo de paz. Se ambos buscarem a paz, o felicidade em comum, e essa busca se fizer atraves de coisas que sao em comum e que nao sejam sacrificio, isso sera um desafio, mas nao um sofrimento.

Para mim familia é algo sagrado e maravilhoso, e familia nao quer dizer sempre pai, mae e  filhos. Fomos uma familia muito mais feliz quando o meu pai saiu de casa para buscar sua felicidade e fomos todos mais felizes – o meu pai conosco ainda, mas com sua familia e nós crescendo com minha mae e meu pai um pouco mais de longe.

Mas no meu caso, eu quero ter uma familia com um marido que vai ser um marido delicioso e moleque e ao mesmo tempo vai ensinar meus filhos a serem moleques, mas moleques que sabem quando serem moleques e quando serem responsaveis.

Um equilibrio, balanco, em tudo na vida, uma vida tantrica, fazendo com que todos opostos estejam presentes em uma maneira balanceada…

Comer doce e chocolate, beber refrigerante, mas adorar um suco de laranja fresquinho e uma melancia gelada…

Ter brigas na familia, mas nunca ir para cama sem conversar…

Tive na minha muitos exemplos de pessoas que poderiam ser esse marido e pai na minha vida, mas sei que a hora nao era certa!

Sei tambem que a pessoa certa ira me encontrar, mas para isso tenho que estar com o coraçao aberto e acreditar que vale a pena e nao fechar meu coracao como estava fazendo, pensando em estar só para o resto da minha vida…

…e uma coisa que me da tranquilidade, e que minha mae me apoia 100% na minha decisao, ela acredita que eu tenho que ter do meu lado alguem que ama a vida como eu amo, que vai, mesmo tendo filhos comigo, querer continuar a viver tao intensamente como eu quero, que ame a vida como eu amo, e que eu possa fazer feliz por inteiro e que por reacao me faca tambem !!! :o)

Te amo mae, bigada por existir !!!! Nao sei o que faria sem voce !! Voce me fez uma pessoa especial, so por ser tua filha e ter herdado essa tua vontade de viver e ser feliz ! Por isso  na minha vida as horas dificeis sao menos dificeis, o sofrimento existe, mas dura pouco, menos que durava alguns anos atras. Consigo enxergar o lado bom em tudo, e uma coisa nunca perco: a esperanca – acredito profundamente na beleza da nossa vida e que estamos aqui para sermos felizes, nada mais !

Que bom que voce me ensinou tudo isso e que algo colocou a yoga na minha vida, nao pelo fisico, mas pela maneira de ver a vida, como voce ve !

Tomara que sempre mantenha esse teu espirito bom dentro de mim, assim minha vida sera facil !!

0 views0 comments